EnglishJapanesePortugueseSpanish
23.10.2020

23 de outubro: Dia da Força Aérea Brasileira (FAB)

Por Andreza Lorrane

Nesta sexta-feira (23/10) é comemorado o dia da Força Aérea Brasileira (FAB), uma data muito significante que homenageia o “pai da aviação” que, em 1906, foi o primeiro ser humano a voar a bordo de uma aeronave mais pesada do que o ar, o 14-Bis: o brasileiro Alberto Santos Dumont. A FAB foi formada a partir das antigas aviações da Marinha do Brasil e aviação do Exército Brasileiro. Em 1916 e 1919, Exército e Marinha fundaram as primeiras escolas de aviação militar, respectivamente, e passaram a desenvolver também atividades com meios aéreos.

Luiz Alberto Bianchi, trabalhar para força aérea há 35 anos, pilotou a viação de caça por mais de 20 anos e também foi piloto do avião presidencial por mais de seis anos. Hoje, exerce a função de brigadeiro do ar na reserva da Força Aérea, e é o número um da Esquadrilha Fox de demonstração aérea, em São Sebastião. “A data é importante para humanidade porque que hoje é impossível imaginar o mundo sem uma aeronave no céu. Esse dia foi encantador e, por esse motivo, foi escolhido para se comemorar o dia do aviador”, comenta.

De acordo com Luiz Alberto, a Força Aérea Brasileira trabalha pelo espaço aéreo, incluindo as águas marítimas. “Atualmente tivemos diversos esquadrões de caça voltado para as fronteiras do país, protegendo as fronteiras secas, e no mar territorial temos a viação de patrulha fazendo o patrulhamento de toda riqueza do nosso oceano atlântico”, explica.

O trabalho da Força Aérea Brasileira é patrulhar, vigiar, monitorar e controlar o espaço aéreo de qualquer aeronave ilícita e/ou não identificada, mantendo a soberania no espaço aéreo nacional, impedindo o uso do espaço aéreo brasileiro para fins hostis ou contrários aos interesses brasileiros. O controle e monitoramento do espaço aéreo brasileiro é de responsabilidade do DECEA (Departamento de Controle e Espaço Aéreo). Ao todo, são mais de 22 milhões de km² de espaço aéreo a serem monitorados, incluindo parte significativa do oceano atlântico.

“Minha motivação foi a magia de voar, pois não é possível ver o avião voar e não ficar encantado! Fazer coisas incríveis no espaço me encanta, pois não é natural do ser humano voar, então isso me moveu na maior parte da minha carreira. Acredito que o nosso pai da aviação o Santos Dumont, em 1906, deve ter ficado impressionado da mesma forma, pois foi o primeiro homem, e brasileiro, que conseguiu fazer algo pesado ficar no ar”, conta.

Para finalizar, Luiz Alberto conta que: “Dentro da força aérea cresci como ser humano como profissional, agreguei valores na minha vida, me orgulhando muito por tudo que fiz pela força aérea brasileira. Principalmente estando a serviço da nação de em defesa da nossa pátria 24h por dia, trazendo ainda mais plenitude como pessoa e como ser humano”!

 

%name 23 de outubro: Dia da Força Aérea Brasileira (FAB)
Foto: arquivo pessoal – Luiz Alberto Bianchi

Cidade
Data
Adultos
Crianças
Bebês

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!