20.11.2018

A TRUPE DE ARGONAUTAS OCUPA O TABLADO E PÉ DIREITO DA CAIXA CÊNICA DO TEATRO DOS BANCÁRIOS COM MAIS UMA MONTAGEM CIRCENSE DE VARIEDADES, EM QUIMERA’S BAR

Quimeras Bar Créditos Lívia Bennet 3 1 1024x682 A TRUPE DE ARGONAUTAS OCUPA O TABLADO E PÉ DIREITO DA CAIXA CÊNICA DO TEATRO DOS BANCÁRIOS COM MAIS UMA MONTAGEM CIRCENSE DE VARIEDADES, EM QUIMERA’S BAR

Espetáculo de números circenses construído a partir de processos, investigações e pesquisas, que a Trupe de Argonautas acumula em seus 14 anos de trajetória

Sob a direção de Pedro Martins, co-fundador da Trupe de Argonautas, e elenco de sete atores acrobatas, o espetáculo apresenta uma sequência de números circenses para narrar as adversidades, encontros e desencontros de pessoas comuns em um Karaokê. No enredo do espetáculo, clássicos do Brega e muita sofrência narram, em tom jocoso, as histórias de decepção amorosa em cenas de divertido entretenimento.

Despertar sentimentos e emoções na plateia, “é um de nossos propósitos com esta montagem”, conta Pedro. Para isso, “todos, interpretes e público, podem cantar ‘ao vivo’ no nosso Karaokê, deixando fluir o romântico dentro de cada um”, convida o diretor. O cotidiano das personagens do Quimera’s é entremeado por números circenses e não por coincidência, “a maioria das cenas foi concebida na forma de dueto, e celebra todas as possíveis relações entre pessoas”, revela o diretor.

Quimera’s Bar nasce dentro do projeto “Noite de Quimeras”, cujas montagens têm como inspiração os números de variedades dos cabarés. O espetáculo conduz a plateia do Brega ao Cult, amargurado ou apaixonado, e permite aflorar a emoção de cada um.

Histórico do grupo

Criada em 2005, a Trupe de Argonautas ao longo destes anos realizou diversos trabalhos de criação de espetáculos e também oficinas, palestras, cursos, ensaios fotográficos, performances, lançamento de apostilas e livros, tudo fundamentado em sua incansável pesquisa sobre fusão de linguagens, destacando-se o circo, o teatro e a dança. Entre as suas últimas realizações estão o espetáculo Noite de Quimeras (2018), Paradoxo Zumbi (FAC/2016), os ensaios fotográficos CorpusLux e Matéria Prima (ambos de 2015), o espetáculo UHOMEMNU (2014), entre outros.

Contato para entrevistas: Pedro Martins, diretor: 61 9.9986-2097

Ficha técnica:

Direção: Pedro Martins

Elenco: Ana Sofia Lamas, Cyntia Carla, Dara Audazi, Drisana Alarcão, Luciano Czar e Thiago Enoque

Artista convidada: Mariana Camargo

Figurino e maquiagem: Cyntia Carla

Maquiadores: Cyntia Carla, Dara Audazi e Luciano Czar

Cenografia: O grupo, com desenhos de Luciano Czar

Desenho de luz: Pedro Martins

Serviço:

Espetáculo: Quimera´s Bar, do projeto “Noites de Quimeras”

Local: Teatro dos Bancários

Endereço: EQS 314/315 – Bloco A – Asa Sul, Brasília – DF

Apresentações: Dias 1º e 2 de dezembro, sábado e domingo, sempre às 20h.

Ingressos: R$ 20,00 (meia entrada para estudantes, professores, pessoas com mais de 60 anos e portadores de deficiência)

Duração: 60 minutos

Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 18 anos

Realização: Laboratório de Pesquisas Estéticas da Trupe de Argonautas/LAPE.

Créditos: Lívia Bennet

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!