12.04.2019

bRASÍLIA iNSPIRA pOESIA LANÇA LIVRO COM 42 POETAS DO DF

Carli Ayô 2 1024x688 bRASÍLIA iNSPIRA pOESIA LANÇA LIVRO COM 42 POETAS DO DFEntre os meses de abril e maio, projeto literário promove saraus e distribui livros em escolas públicas e pontos de cultura de 5 regiões do Distrito Federal

No mês em que se comemora o Dia Internacional do Livro (23 de abril), o hábito de leitura ainda é um desafio em um país que tem na Constituição Federal Brasileira a garantia a todos do pleno exercício dos direitos culturais (art. 215), o que inclui o acesso à literatura. Segundo o estudo realizado pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan), publicado em 2014, poucos brasilienses consomem cultura, e a literatura não escapa a esse diagnóstico. De acordo com a pesquisa, do total de moradores, 63,54% não cultivam o hábito de leitura e 90,95% não possuem o hábito de ir à biblioteca. Por ano, 16,58% leem entre um a dois livros. A prática de leitura superior a 12 livros por ano é representada por apenas 3,34% da população.

Buscando evidenciar a cultura e contribuir ao acesso à literatura produzida em Brasília e sobre Brasília (entendida como todo o DF), o projeto bip – bRASÍLIA iNSPIRA pOESIA lança entre os meses de abril e maio, a antologia poética com 42 poetas do Distrito Federal em cinco saraus em escolas públicas do Cruzeiro, Candangolândia e Núcleo Bandeirante e em espaços culturais da Vila Telebrasília e Vila Planalto.

O livro tem o Selo Calangos Leitores, projeto finalista do Prêmio Jabuti de 2018 na categoria Formação de Leitores, e está organizado em torno dos eixos tempo, espaço, sujeitos e despertencimentos, mostrando a pluralidade de vozes e observações sobre o Distrito Federal. Cristiane Sobral, Martinha do Coco, Ellen Oléria, Tatiana Nascimento, Nanda Fer Pimenta, Meimei Bastos, Vera Verônika, Chico Nogueira, Célia Xakriabá e GOG são alguns dos poetas que fazem parte do livro que conta com o projeto gráfico e ilustrações da artista plástica Carli Ayô.

“O bip surgiu dentro de uma sala de aula, da necessidade de colocar os alunos em contato com uma literatura com a qual eles se identificassem e também da dificuldade de acesso à literatura produzida no Distrito Federal. Nossa literatura está reprovada porque não tem frequência na escola. Ela não faz parte do currículo escolar e são poucos os projetos que a contemplam”, afirma Dani Gauche, que coordena o projeto junto com Carlos Augusto Cacá, Cristiane Portela e Bruna de Lucena, professores de instituições públicas do distrito.

Com apoio do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal (FAC), o bip – bRASÍLIA iNSPIRA pOESIA além de publicar e distribuir a antologia poética, promove ações didático-culturais que incluem a realização dos saraus e a publicação de vídeo-poemas nas mídias sociais com o objetivo de promover conhecimento, fruição poética, troca de experiências e afetos, bem como propiciar espaços de divulgação da poesia produzida por artistas de diferentes Regiões Administrativas (RAs) do DF.

Para a professora da Secretaria de Educação, Bruna de Lucena, “o projeto traz uma diversidade de olhares sobre o território do DF, que não se reduz ao panorama do Plano Piloto, mas, ao contrário, consiste em um mosaico dessa(s) cidade(s) múltipla(s) em tempos, espaços, sujeitos e sentimentos. A complexidade que é Brasília, em suas relações territoriais, humanas, ambientais, históricas, é transformada em matéria de poesia, em uma antologia que evidencia os sentimentos, muitas vezes antagônicos, de pertencimento e despertencimentos daquelas e daqueles que se relacionam com esses espaços”.

O bip deseja marcar estas comunidades com experiências relevantes no âmbito da Literatura, livros e leitura, ao incentivar formas diversas de manifestações literárias, colaborando para a descentralização da execução dos projetos e a democratização do acesso aos recursos disponibilizados pelo FAC.

“Os livros têm que chegar até as pessoas, elas precisam saber que os escritores existem, estão vivos, produzindo e lutando diariamente por sua arte. Que em cada canto do Distrito Federal tem um(a) poeta semeando poesia. A literatura é um direito e com ela construímos nossa identidade, nossa história e nossa cultura”, completa Dani Gauche.

Os saraus têm classificação livre e entrada gratuita. É possível conferir todos os detalhes pelas redes sociais do projeto.

Acompanhe o bip pelas redes sociais:

Instagram: @bipbrasiliainspira

Canal no YouTube: https://bit.ly/2G4VPPE

Facebook: www.facebook.com/brasiliainspirapoesia

Serviço:

Saraus bip bRASÍLIA iNPIRA pOESIA

Entrada gratuita

Classificação livre

Dia: 12/04/2019

Horário: 19h30

Local: Espaço Cultural Waldir Azevedo, Vila Telebrasília

Dia: 13/04/2019

Horário: 18h30

Local: Associação de Idosos Renascer dos Pioneiros da Vila Planalto

Dia: 08/05/2019

Horário: 10h

Local: CED 1 do Cruzeiro

Dia: 09/05/2019

Horário: 10h

Local: CEF 1 da Candangolândia

Dia: 22/05/2019

Horário: 10h

Local: CEMUB, Núcleo Bandeirante

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!