EnglishJapanesePortugueseSpanish
29.10.2020

Dia do livro: dicas para você começar a ler

Dados de 2016, do Instituto Pró-Livro, revelam que o brasileiro lê em média 2,43 livros por ano

Por Isabella Conte

Hoje, 29 de outubro, é celebrado o Dia Nacional do Livro! A escolha da data deu-se em homenagem ao dia em que foi fundada a Biblioteca Nacional do Brasil, no Rio de Janeiro, quando a Real Biblioteca Portuguesa foi transferida para a colônia, em 1810. A leitura é extremamente importante para a saúde mental, é relaxante, faz bem para o exercício da memória e também estimula a imaginação das pessoas!

Entretanto, a maioria dos brasileiros não tem o hábito de leitura. São inúmeras as desculpas que as pessoas dão para não começarem a introduzir a leitura em suas vidas, por isso, nós do Visite Brasília, em parceria com o Instagram literário Literat[isa] (https://www.instagram.com/literat.isa/?hl=pt-br), vamos dar dicas para acabar com essas desculpas! Confere:

 

NÃO TENHO TEMPO

Acho que essa é a frase que eu mais escuto quando pergunto o por quê da pessoa não ler. Eu acredito que todo mundo consegue tirar 10 ou 20 minutinhos do dia para ler (afinal a gente tira BEM mais que isso para ficar nas redes sociais, não é mesmo?), mas vou dar umas dicas para quem insiste que não, não existe nem um minutinho para a leitura no seu dia.

1- Leve sempre um livro com você: quanto tempo você perde no seu dia a dia dentro de ônibus/metrô ou esperando em filas e consultórios? Pois é, esse tempo pode ser reaproveitado se você tiver um livro por perto para ler e passar o tempo. “Ah, mas carregar livro é tão pesado”. Se você não gosta de sair carregando o livro físico por aí, você pode optar pelo Kindle, onde você compra as versões digitais dos livros. Ele é super leve, como se fosse um tablet que você coloca na mochila e nem sente (além disso, é especialmente projetado para leitura e não tem a tela luminosa e branca, o que deixa a leitura online muito confortável). O Kindle também existe na forma de aplicativo para o celular e o download é gratuito.

2- Invista em áudiobooks: sabe aquele trânsito que você pega TODO DIA e perde um tempão? Você pode aproveitar para colocar a leitura em dia também dentro do carro! Existem diversos aplicativos de celular que disponibilizam a versão de áudio de vários livros. É só comprar o livro, dar o play e escutar aquela história que você estava doido para conhecer. Você pode usar esse recurso também para “ler” enquanto lava a louça ou faz uma faxina.

3- Livros para ler em um dia: a pessoa que diz que não tem tempo, também não costuma ter o hábito de leitura, né? Então que tal começar por livros fininhos, que dá para você terminar rapidinho? Esses livros são ótimos para serem lidos em pequenos intervalos de tempo e também para criar uma rotina de leitura. Afinal, não ficar travado e conseguir terminar um livro rapidinho aumenta a sua disposição para ler mais! Aqui tem um link com uma lista de livros fininhos, de vários temas, para vocês darem uma olhada e já procurarem para ler: https://www.pensador.com/livros_para_ler_em_um_dia/

 

NÃO TENHO UMA ROTINA

Agora que vimos que existem vários momentos do seu dia onde é possível encaixar uma leitura, eu vou ajudar você a aproveitar esse tempinho para criar uma rotina, um hábito, de leitura.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
1- Descubra o que você gosta: qual é o seu gênero favorito? Drama? Romance? Infantojuvenil? E que tipo de linguagem lhe agrada mais? Contos ou poesias, que são mais curtinhos? Ou um bom romance, com uma história mais longa? A leitura tem que ser prazerosa, então não se acanhe por gostar de ler um tipo X de livros que os seus amigos não gostam. A leitura é para você. E se você ainda não sabe do que gosta, sugiro começar pelos best sellers, afinal, eles são os mais vendidos por alguma razão, não é mesmo?

2- Estabeleça metas: nesse início, para criar um costume, é bom ter metas bem definidas para tornar a leitura um hábito. Comece tentando ler, pelo menos, três dias na semana. Divirta-se no processo: aposte com você mesmo que hoje você vai ler 10 páginas/um capítulo antes de ir para um compromisso ou, então, que só poderá fazer algum hobbie quando terminar (dessa forma você se premia por bater a sua meta)!
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
3- Tenha um parceiro de leitura: quando você conhece alguém que gosta ou está lendo o mesmo livro que você, a leitura fica muito mais emocionante. Vocês podem comentar sobre aquele personagem que vocês amam, teorizar sobre um romance que vocês acham que vai acontecer e sofrer juntos com a morte daquele personagem tão amado! Além disso, o grupo se ajuda a ir caminhando na leitura e a não desanimar no meio. Sempre existe alguém que gosta do mesmo livro que você!

 

TRAVEI EM UM LIVRO

Quem nunca começou a ler um livro e travou? Tentou diversas vezes voltar a ler e cada vez parecia ainda mais travado do que a vez anterior? Eu mesma já passei por essa situação VÁRIAS vezes e aprendi que tem como a gente colocar o livro para frente e não desistir dele.

É claro que se o livro travou porque trata de um assunto que não lhe interessa e, se você não precisa ler aquele conteúdo, eu já aconselho logo: parte para o próximo! Mas sempre tem aquele livro da escola/faculdade/trabalho que você PRECISA ler e não consegue. Ou até um livro de um assunto que lhe interessa muito, mas que por ser muito extenso ou de um assunto pesado, cansa horrores para terminar.

Um jeito fácil de resolver isso é intercalar livros! “Como assim, Isa?”. Olha só, nesses casos o melhor a fazer é pegar o livro “travado” e delimitar uma meta (10 páginas/1 capítulo por dia) de leitura e, ao mesmo tempo, escolher um outro livro que você adore e esteja doido para ler!

Vai funcionar assim: todos os dias você vai se comprometer a ler a sua meta do livro “travado” e, quando essa meta for batida, você ganha de prêmio a leitura de quantas páginas você quiser do livro que você gosta! Ter um incentivo em mente de “eu vou poder ler X história quando acabar essa meta de leitura” ajuda você a criar ânimo e ir lendo, aos pouquinhos, aquele livro mais chato.

Eu mesma sempre costumo intercalar livros jornalísticos de assuntos mais densos com leituras leves de ficção e best-sellers. O ritmo flui que é uma beleza e você consegue (claro, com um planejamento prévio e contando quantos dias você vai precisar para ler o livro chato) ler todos os livros, artigos e conteúdos que você precisa ler, mas que sozinho não “anda”.

 

NÃO ABSORVO A LEITURA

Interpretação de texto é questão de prática! Quanto mais você ler, melhor será a qualidade da sua leitura. Mas, para quem está começando, pode ser complicado. E, vamos ser francos? Ficar voltando para a mesma frase 200 vezes e continuar sem entender, ou prestar atenção, mata a vontade de ler de qualquer um, né? Se você sofre com isso, se liga nessas dicas:

1- Investigue o livro antes da leitura: para conseguir se concentrar na leitura é fundamental que ela lhe interesse e que seja em uma linguagem acessível para você. Por isso, é super importante ler sinopses, resenhas e resumos dos livros que vocês estão pensando em começar. Ler comentários sobre o livro lhe ajuda a perceber como vai funcionar o desenrolar da história, se a linguagem é mais rebuscada ou mais simples e até te livrar de livros chatos!

2- Escreva: já é comprovado que escrever o que lemos ajuda muito na absorção do conteúdo. Por isso, nesse começo, anote tudo que você julgar ser relevante. Observações que lhe ajudem a lembrar de tal personagem, significados de palavras novas, pensamentos que lhe ocorreram durante aquele trecho. Você pode anotar no próprio livro (neste caso, use marca textos também para ressaltar passagens que você gostou) ou, se você acha isso um crime, como eu, tenha um diário de leitura (um caderninho onde você coloque suas observações) ou use e abuse de post-its!

3- Ouvir o livro ajuda: outra técnica para lhe ajudar a prender a atenção na leitura é usar os áudiobooks. Você pode ler o livro ao mesmo tempo que escuta a narração dele, para que você estimule dois sentidos ao mesmo tempo. Isso ajuda muito a fixar tudo que foi lido! Só tome cuidado para comprar o livro físico e o áudiobook da mesma edição, para que não existam diferenças entre o texto e o áudio e você possa acompanhar tranquilamente.

 

NÃO ME CONCENTRO

Se tem uma coisa que eu entendo, sendo portadora de TDAH, é sobre falta de concentração. E quando se trata de leitura, concentração é essencial. Sem concentração você não absorve a leitura, tem que ficar voltando a página várias vezes, perde informações importantes sobre os personagens e aí já era o prazer de ler, né? Por isso, vou passar algumas dicas que ajudam você a ter mais concentração na hora de ler:

1- Nada de ler antes de dormir: quem criou esse conselho de ler antes de dormir com certeza não tinha problemas de concentração. Para que você possa absorver e se concentrar no seu livro, a sua cabeça não pode estar cansada. O melhor momento para ler é naquela hora do dia em que você se sente mais produtivo e descansado. Ler antes de dormir só é uma boa ideia se você estiver com insônia e precisar de algo para dar sono.

2- Esteja confortável: muitas vezes perdemos o fio da leitura simplesmente por estarmos lendo em condições desconfortáveis. Nada de ler deitado e com a luz do abajur. O mais indicado é que você se sente para ler em um local confortável com encosto, apoio para braços e pernas e uma boa iluminação. Isso evita dores no corpo e dores de cabeça! Ler com o livro apoiado em uma mesa também é uma ótima sugestão, principalmente se o livro for grande e pesado.

3- Livre-se das distrações: não há leitura no mundo que resista ao barulho ou a um celular. Por isso, na hora de ler, procure um cantinho sossegado e silencioso e se livre dos eletrônicos. Uma boa ideia é você deixar o seu celular em um cômodo e ir ler em outro, desse jeito ele não fica ali perto de você, lhe “tentando” (e não, ninguém vai morrer se você passar 1h longe do celular). Explique para quem mora com você que você vai se sentar para ler naquele momento e que se ele/ela puder fazer menos barulho, ajuda.

 

E SE EU NÃO GOSTAR

Eu sei que esse é um dos medos que impede muita gente de começar a ler. Afinal, gastar dinheiro comprando um livro para, no final, não gostar, dá muito desânimo mesmo. Mas essa dúvida não deve desestimular vocês de adquirirem o hábito da leitura! Por isso, vou dar umas dicas de como saber se você vai ou não gostar do livro antes de comprá-lo:

1- Amostras grátis: existem duas plataformas que disponibilizam os primeiros capítulos do livro, de graça, para que você possa ler e ver se lhe interessam: a Amazon e o Google Books. Na Amazon, tudo que você precisa fazer é procurar o nome do livro no site e depois apertar o botão “Enviar uma amostra grátis”. Essa amostra será enviada para o seu kindle (lembrando que, se você não tem o aparelho, você pode fazer o download do app para o celular). No Google Books, depois de pesquisar o livro que lhe interessa, procure o botão “Sobre este livro” e desça a página. Você vai ver que alguns capítulos vão estar disponíveis para você clicar e ler.

2- Assista o filme: os filmes são ótimos resumos do que acontece no livro. Mas é apenas isso, RESUMO. A desculpa “já vi o filme, pra que vou ler o livro?” não se aplica e nem nunca vai se aplicar! Se você gostar do filme é provável que você vá gostar do livro e ficar ainda mais intrigado quando descobrir personagens que não aparecem no filme e momentos que foram cortados da adaptação. Mas tome cuidado: muitas adaptações são péssimas e não são um resumo de qualidade do livro; por isso, é bom ler as avaliações do filme antes.

3- Leia resenhas: existem diversos blogs e Instagrams que falam sobre literatura e fazem resenhas sobre os livros. Acompanhar alguns é ótimo para que você já tenha uma noção de como é o desenvolvimento da história que você quer ler. Essas resenhas e críticas complementam o resuminho que nós já lemos na capa posterior ou nas “orelhas” do livro.

 

NÃO TENHO DINHEIRO

Quem é leitor sabe que ler é caro! Não é todo mundo que pode gastar uma média de 30/40 reais por livro para conseguir manter o hábito da leitura. Por isso, trouxe algumas dicas de como você pode manter o costume vivo sem gastar muito:

1- Kindle Unlimited: não sei se você já ouviu falar dessa assinatura, mas é como se fosse um Netflix de livros. Você paga 19,90 por mês e tem acesso a milhares de livros sem nenhum outro valor adicional. Então, se você gosta de ler muito e não se incomoda com o fato de o livro não ser físico, essa é uma ótima indicação!

2- Sites de trocas: existem sites como o Renova Livro e o Troca de livro que promovem a troca de livros de forma gratuita na internet. Você se cadastra, coloca no site os seus livros que estão pegando pó em casa e tenta fazer uma troca! É só pesquisar o nome do livro que você quer adquirir e clicar no botão que solicita a troca. Toda vez que você receber um livro de alguém, essa pessoa ganha um ponto para usar e pegar um livro seu, de forma que a troca fique sempre ativa! O único custo dessa modalidade é o frete, que fica por conta de quem envia o livro, mas se você optar pelo “Registro Módico” a tarifa é reduzida.

3- Bibliotecas: parece óbvio, mas a gente esquece que podemos ser usuários de bibliotecas que ficam perto das nossas casas. Nelas encontramos um acervo enormes de livros e, geralmente, sem taxas! Já parou para procurar a biblioteca disponível mais perto de você?

 

ENJOEI DA LEITURA

Outro problema muito comum para os leitores é o enjoar da leitura. Nem sempre você enjoa porque o livro é ruim ou porque não conseguiu lhe prender (nesses casos, parta para a próxima leitura), mas as vezes você se sente cansado daquela narrativa. Você já se sentiu assim? Então olha aqui algumas dicas do que você pode fazer para evitar perder o interesse no livro:

1- Séries de livros: eu sei que quando a gente começa uma série e gosta da história, dá vontade de ler todos os livros de uma vez, mas cuidado! Ler vários livros de uma mesma história assim, seguidos, é receita para enjoar da narrativa. Por mais maravilhosa que a história seja, uma hora você cansa daquele universo e começa a achar tudo meio chato. Para evitar isso, intercale os livros de séries com outros livros, de forma a dar um descanso para a cabeça.

2- Leia mais de um livro: uma boa dica é você sempre manter mais de uma leitura ao mesmo tempo, para sempre ficar variando os enredos! Desse jeito, você consegue vivenciar mais de uma história e é menos provável que o seu cérebro fique saturado e sem vontade de continuar a leitura. Mas cuidado para não se afobar e começar vários livros ao mesmo tempo! É bom manter de dois em dois mesmo!

3- Intercale gêneros: ficar preso na leitura sempre do mesmo gênero literário também lhe leva a exaustão. Por isso, compre livros de gêneros diferentes (drama, fantasia, terror, romance etc.) e intercale a leitura deles. Dessa forma, você vai ter estilos de escrita e desenvolvimentos diferentes das histórias, o que evita o tédio!

 

Literatisa 300x300 Dia do livro: dicas para você começar a ler
Foto: divulgação/Literat[isa]


Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!