EnglishJapanesePortugueseSpanish

Dia Mundial do Malbec


Um brinde a uva símbolo dos vinhos da Argentina

No dia 17 de abril o mundo comemora o Dia do Malbec, em celebração a uva emblemática da Argentina. A data marca a apresentação de um projeto para a fundação da Quinta Normal, que tinha como objetivo desenvolver a indústria vinícola do país. Aos poucos, os argentinos despontaram como grandes produtores de vinhos, em especial desta uva. Pela importância histórica da data, a instituição Wines of Argentina (WofA) escolheu esse dia para as comemorações do Dia Mundial do Malbec.

A Malbec é a variedade que dá os melhores resultados na Argentina principalmente pela constante qualidade das safras, de Salta, a noroeste, ao sul da Patagônia. Luján de Cuyo, uma sub-região de Mendoza, é a primeira DOC (Denominação de Origem Controlada) da América. Em relação ao estilo, os malbecs argentinos geralmente possuem aromas que lembram frutas vermelhas e pretas bem desenvolvidas, passando pelas notas florais até chegar aos clássicos aromas de especiarias. Outra característica marcante é a qualidade dos taninos: macios e sedosos.

Malbec: origens

Graças a Argentina, a Malbec é uma estrela, mas a origem dessa uva é europeia. Em Cahors, a pouco mais de 100 quilômetros da cidade de Toulouse, sudoeste da França, desde os tempos do Império Romano eram elaborados vinhos tintos chamados “de Cahors” com a casta Cot. No século XVIII essa mesma uva foi levada para a região francesa de Bordeaux, onde era cultivada para dar corpo e cor aos tintos mais delicados feitos por ali. Já naquela época ela recebia nomes como Malbeck, Pressac, Noir de Pressac ou ainda Auxerrois.

Depois do estrago que a filoxera (uma praga que ataca os pés das videiras) fez na Europa, em meados do século XIX, sobrou muito pouca Cot para contar a história na França. Alguns anos antes disso acontecer, o agrônomo francês Michel Aimé Pouget tinha levado para a Argentina algumas mudas de videiras, pois havia sido contratado para impulsionar a Quinta Agronômica de Mendoza. A ideia era aumentar a variedade de cepas para elevar a qualidade da indústria vinícola argentina pelas mãos dos imigrantes italianos e franceses. A Malbec estava entre as apostas futuras. Logo a casta mostrou todo potencial nos diferentes terroirs argentinos e começou a produzir vinhos melhores que em seu país de origem. Atualmente a Argentina é o principal produtor de Malbec do mundo.

Abaixo a seleção de nove vinhos para você brindar o #malbecargentino. Todos são trazidos ao Brasil pelas importadoras Porto a Porto e Casa Flora.

Benjamin Nieto Senetiner Malbec, apresenta aromas de frutas escuras em compota; leve e fácil de beber.

Santa Carolina Reservado Malbec

Vinho marcado pela saborosa mistura de frutas e especiarias, com notas florais.

Emilia Nieto Senetiner Malbec, possui aroma de ameixa madura, geleia de frutas vermelhas e notas de especiarias. Em boca é seco, com acidez elegante, taninos macios e final longo.

Fran Malbec, frrutas vermelhas e ameixa são os aromas dominantes, juntamente com o toque sutil de baunilha. Possui bom corpo e ótimo equilíbrio.

Nieto Senetiner Malbec, apresenta aroma de frutas escuras, com notas de baunilha e tostado. Em boca é seco, possui boa acidez e taninos finos. Amadurece em barricas de carvalho francês entre 6 e 8 meses.

Alfredo Roca Fincas Malbec, argentino de excelente concentração e equilíbrio, além de taninos macios que resultam do estágio de 9 meses em barricas de carvalho.

Nieto Senetiner Malbec DOC, apresenta aromas de frutas maduras como ameixa e figo, com notas de baunilha e tabaco. Em boca é um vinho com muita personalidade, boa acidez, encorpado, com final longo e elegante. Amadurece em barricas de carvalho francês por 12 meses e mais 12 meses em adega antes de ser comercializado.

Alfredo Roca Reserva de Família Malbec, é um vinho caracterizado pelos taninos maduros e equilíbrio entre acidez e fruta, resultado dos 12 meses em barricas de carvalho. Apresenta aroma de fruta vermelha com toques de baunilha.

Don Nicanor Malbec, possui aromas de ameixas pretas secas e notas de baunilha. Em boca possui bom corpo, é aveludado, com taninos maduros e excelente persistência. Amadurece por 12 meses em barricas de carvalho francês.

Em Brasília esses vinhos podem ser adquiridos em mercados, empórios e lojas especializadas. E você, já sabe com qual deles vai celebrar a data?

Fonte: 70 Mil Assessoria

Fotos: Divulgação

03 Reservado MALBEC Ni 79x150 Dia Mundial do Malbec 24033 FincasMalbec 150x150 Dia Mundial do Malbec 24058 Malbec Reserva de Familia 150x150 Dia Mundial do Malbec 24201 Emilia Malbec 150x150 Dia Mundial do Malbec 610686 Nieto Senetiner Malbec DOC 750ml 115x150 Dia Mundial do Malbec BENJAMIN Malbec 150x150 Dia Mundial do Malbec Botella Fran Malbec 104x150 Dia Mundial do Malbec DN Malbec 133x150 Dia Mundial do Malbec NS Estate Bottled MC 88x150 Dia Mundial do Malbec

 

Catedral Rainha da Paz

Por: visitebrasilia
Data: 08/04/2021


Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!