EnglishJapanesePortugueseSpanish

Hiato Obra do Artista Marcelo Moscheta


CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL BRASÍLIA – DE 1º DE SETEMBRO A 10 DE OUTUBRO DE 2021.

Extensão da exposição “Oréades”, de Gabriela Albergaria e Marcelo Moscheta, apresentada pela Embaixada de Portugal em Brasília e CCP – Camões Brasília.

*A mostra propõe ao público uma reflexão sobre a relação entre Homem, Cidade e Natureza

*A obra busca abarcar todas as possibilidades de entender um local por meios racionais e não somente por desenhos e fotografias

*Exibição acontece na área externa

Credito da foto Jean Peixoto Hiato Obra do Artista Marcelo MoschetaCrédito da foto: @Jean Peixoto_Instalação Hiato (Marcelo Moscheta)

Destacar pontos de comunicação entre a natureza endêmica de Brasília e sua paisagem local. Esta é a proposta de Marcelo Moscheta, ao voltar-se para a memória do lugar e questionar, por meio da arte, as fronteiras do território. Entre os dias 1º de setembro e 10 de outubro, o Centro Cultural do Banco do Brasil Brasília apresenta “Hiato”, uma obra que busca abarcar diversas possibilidades de entender um local, não somente pelo desenho e pela fotografia, mas também por meios racionais e relacionais.

Nesta instalação, o artista convida o público a uma caminhada entre os galhos, que dá sequência a um corredor criado no interior da peça. Desta forma, o visitante é impulsionado a sentir a obra na sua relação com a natureza e a refletir sobre o hiato dos seus próprios galhos, sobre as fendas e interrupções na suposta linearidade da consciência.

“É necessário aprender a subtil e fundamental disciplina da escuta e da observação, nascida do respeito pelo esplendor que nos deu e sustenta a existência. É essa disciplina que Gabriela Albergaria e Marcelo Moscheta nos oferecem, pela sua fina e criativa leitura da paisagem do Bioma Cerrado, que serve de nicho ecológico à capital federal brasileira”, afirma o filósofo Viriato Soromenho-Marques, em seu texto “Ousar um novo habitar da Terra”, parte do catálogo da exposição Oréades.

A obra “Hiato” origina-se na exposição “Oréades”, composta por obras de Gabriela Albergaria e Marcelo Moscheta, e apresentada na Embaixada de Portugal em Brasília entre maio e agosto de 2021. Os artistas tiveram Brasília, especificamente o cerrado em contraposição com o ideal moderno e utópico da arquitetura da capital brasileira, como inspiração para compor suas obras. O objetivo principal é propor ao público uma reflexão sobre a relação ente o Homem, Cidade e Natureza.

HIATO é de autoria de Marcelo Moscheta. O artista é fascinado pela natureza e seus percursos. Em observações durante viagens, foca seus interesses em retratar a memória dos lugares e paisagens por onde passava. Dentre muitos marcos em seu currículo, em 2015, desenvolveu o projeto “Arrasto”, no qual percorreu toda a extensão do Rio Tietê coletando extratos minerais. Pesquisou ainda camadas ancestrais de memórias no Rio Trebbia, na Itália e na fronteira do Canadá e Estados Unidos. Em 2014, participou como residente nas Bienais de Vancouver e Montevideo, onde também realizou a expedição Oriente, ao longo do Rio Uruguay.
A realização da peça “Hiato” é da Embaixada de Portugal em Brasília e do Camões – CCP Brasília, sendo o atual espaço de instalação cedido pelo Banco do Brasil no Centro Cultural do Banco do Brasil.

SERVIÇO

Data: 1º de setembro a 10 de outubro de 2021

Local: Jardim do Centro Cultural Banco do Brasil Brasília

Horários: de terça a domingos das 09h às 21h

ENTRADA GRATUITA

Informações: (61) 3108-7600 ou pelo e-mail ccbbdf@bb.com.br

Fonte: Assessoria de imprensa do CCBB:

Foto: Jean Peixoto

Por: visitebrasilia
Data: 02/09/2021


Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!