05.08.2018

MÚSICA COREANA É ATRAÇÃO EM SHOW SOLO NA CAIXA CULTURAL

Kyungso Park por Nah Seongryul 3 1024x682 MÚSICA COREANA É ATRAÇÃO EM SHOW SOLO NA CAIXA CULTURAL

A relação entre Coreia do Sul e Brasil tem sido forte no aspecto comercial. São muitas as empresas coreanas no país, sobretudo de automóveis e eletrônicos. No ponto de vista cultural, contudo, raras são as oportunidades de o público brasileiro ter contato com artistas coreanos, em razão da distância física entre os países. Por isso, uma apresentação solo de gayageum, espécie de harpa tradicional da cultura coreana, é algo raro. A Caixa Cultural será palco deste momento quase único na programação musical de Brasília, com a apresentação da compositora Kyungso Park, dia 15 de agosto, às 20h, dentro do projeto Solo Música.

“Será uma apresentação que traduz bem a diversidade cultural da Série Solo Música e o patamar que ela alcançou nos seus dez anos”, comemora Alvaro Collaço, produtor e curador do projeto. “Ela é incrível e através de suas composições trata o gayageum como um instrumento contemporâneo, com linguagem aproximada do jazz, onde sobressai a delicadeza da música oriental. Será este mais um belo e inesquecível show na Série Solo Música”, enfatiza Collaço. Esta não será a primeira vez que Kyungso vem ao país. Ela esteve em São Paulo no projeto que gerou o CD “Coreia-Brasil Project”, realizado pelo pianista Benjamin Taubkin, e na edição de 2015 do Festival de Arte Serrinha.

Renovadora do gayageum

Kyungso Park é compositora, virtuose renovadora da longa tradição do gayageum, instrumento milenar da cultura coreana e também conhecido como kayagum. Iniciou-se em música ao piano, com três anos de idade. Só aos 16 anos  passou a tocar o gayageum, aprendendo a música popular e tradicional coreana (pungnyu e sanjo). É doutora em Música pela Universidade Nacional de Artes da Coreia do Sul e Universidade Nacional de Seul, e detentora do prêmio “Soorim Culture Award”, em 2014.

Desde sua estreia como solista em 2008, sua música atravessa livremente as fronteiras entre música tradicional e contemporânea. Em 2004, formou o Aura – trio de gayageum especializado em repertório contemporâneo. Em 2005, passa a integrar o conjunto de jazz fusion The Oriental Express, com o qual gravou seis CDS. Em “CosmoBreeze”, seu primeiro EP solo lançado em 2008, tentou misturar gayageum com a música house, o que teve um forte impacto nos músicos da música tradicional sul-coreana. Seu status de solista e compositora foi consolidado  com o lançamento de “This Is Not Gayageum” (Dung-tta, 2012).                Ela se apresenta nos principais teatros e festivais da Coreia do Sul. Fez turnês pela Alemanha, Argentina, Áustria, Brasil, China, Espanha, Estados Unidos, Holanda, Irlanda, Inglaterra, Itália e Noruega. Foi artista residente nos eventos Air-Krems (Áustria, 2011), OneBeat Fellow (Estados Unidos, 2012), Festival da Serrinha (São Paulo, 2015) e no GCC (Coreia do Sul, 2014-2016). Dividiu palco com artistas de diferentes países como o saxofonista inglês Andy Sheppard, os norte-americanos Blitz the Ambassador e Dafnis Prieto, a coreana Kim Chaek, os austríacos Michael Bruckner e Rebnal Deppe e os brasileiros Benjamin Taubkin, Carlos Malta, Jaques Morelembaum e Marcos Suzano.

Incentivo à cultura

A CAIXA investiu mais de R$ 385 milhões em cultura nos últimos cinco anos. Em 2018, nas unidades da CAIXA Cultural em Brasília, Curitiba, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, está prevista a realização de 244 projetos de Artes Visuais, Cinema, Dança, Música, Teatro e Vivências.

A Caixa Cultural Brasília, inaugurada em 1980, foi o primeiro espaço cultural instituído pela CAIXA. Localizada na região central de Brasília, perto da estação Galeria do metrô e da rodoviária do Plano Piloto, possui cinco galerias, teatro, sala multimídia e Jardim das Esculturas. Em 2018, está prevista a realização de 60 projetos e o retorno do Programa Educativo CAIXA Gente Arteira.

Kyungso Park por Nah Seongryul 2 200x300 MÚSICA COREANA É ATRAÇÃO EM SHOW SOLO NA CAIXA CULTURAL

Serviço:

SOLO MÚSICA COM KYUNGSO PARK

Local: CAIXA Cultural Brasília (SBS quadra 4, lotes 3/4 – Edifício anexo à Matriz da Caixa)

Data: 15 de agosto, quarta-feira

Horário: 20h

Informações: (61) 3206-6456

Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada para estudantes, professores, funcionários e clientes CAIXA e pessoas acima de 60 anos)

Bilheteria: Aberta às 12 do dia 11 de agosto (sábado)

Duração: 80 minutos

Classificação: livre

Capacidade: 406 lugares

Acesso para pessoas com deficiência (se for o caso)

Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

Assessoria de imprensa:

Agência Atelier (Diana Leiko)

Contato: diana@atelierbrasilia.com | (61) 98132-4929

 

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!