EnglishJapanesePortugueseSpanish
16.04.2020

O que a quarentena tem a ver com nossas olheiras?

%name O que a quarentena tem a ver com nossas olheiras?
Em tempos de isolamento social, consultórios e clínicas dermatológicas estão fechados. E no atual período que estamos vivendo, a pandemia pelo coronavírus (Covid 19), nos levou a ficar mais tempo em casa, enquanto alguns aproveitam o tempo para se exercitar, comer, dormir, ou se especializar, outros estão mais tensos e preocupados com receio pela economia ou por não estarem produzindo tanto quanto as pessoas das mídias sociais, de modo que, estão dormindo bem menos e pior, portanto mais olheiras! Sabemos que dormir bem influencia em todos os aspectos do dia a dia, mais disposição, melhor rendimento e, consequentemente menos olheiras. A quarentena está aí e é a nossa realidade, temos que tentar relaxar e a prática de bons hábitos como dormir bem, reduzir o sal, hidratar a região e evitar coçar os olhos já ajudam bastante para quem sofre com o problema.

E aí, você faz parte de qual dos dois tipos de pessoas? Vamos falar sobre cada uma delas, consideradas incomodas por unanimidade. Bem, há basicamente 4 tipos de olheiras:

1- Olheiras profundas:

  • Geralmente, têm coloração castanha; A cavidade do globo ocular é mais profunda, criando sombra; A sua causa é genética, de acordo com a estrutura óssea;

2- Olheiras pigmentares

  • Possuem coloração amarronzada; É um tipo de melasma, causado pelo acúmulo de melanina na pele fina dos olhos; Mais comuns em pele negra e morena;

3- Olheiras sanguíneas

  • Têm coloração arroxeada;

4- Olheiras vasculares

  • Cor ligeiramente azulada;

Além disso temos outros aspectos que podem afetar nossas olheiras como flacidez (ligado com o envelhecimento, além de maus hábitos como o tabagismo, exposição excessiva ao sol, entre outras causas.) e bolsas de gordura (que surgem com o envelhecimento da região) .Em qual olheira ou qual aspecto a sua se encaixa? Há no mercado tratamento que ótimo resultados, são eles:

 

Quais tipos de procedimentos se tem para melhorar essa região em consultórios?

  • Preenchimento com ácido hialurônico que é bastante eficaz para olheiras profundas ou flácidas; O ácido hialurônico é um procedimento seguro e minimamente invasivo. Esse componente, produzido em nosso organismo, confere propriedades de elasticidade e hidratação à pele, pois está alojado onde ficam as fibras de colágeno e elastina. O grande problema é que ele diminui em quantidade à medida que envelhecemos. Então quando preenchemos tentamos reestabelecer a estrutura dessa região dando mais sustentação.
  • Já procedimentos como: Laser e luz pulsada, Peelings, Microagulhamento são os mais indicados para olheiras pigmentadas, onde há uma combinação de ativos para melhorar a região. O procedimento é seguro sim — se realizado com um bom profissional, o resultado é uma melhora de 80 a 90% no nivelamento das olheiras com as maças do rosto, conferindo um ar de quem dormiu bem e aliviando o “semblante cansado”.

Porém, enquanto não abrem os consultórios, vamos dar algumas dicas caseiras que vão te ajudar:

  • Compressas de água fria – Como uma das causas das olheiras é a dilatação dos vasos sanguíneos abaixo dos olhos, aplicar compressas de água fria é um ótimo tratamento caseiro para olheiras
  • Sachês de chá de camomila gelados –  A camomila tem flavonoides que contribuem para uma melhora da circulação na região das olheiras.
  • Rodelas de pepino – Esse tratamento caseiro funciona! O pepino contém flavonoides em sua composição, melhorando a tonicidade dos vasos locais e o aspecto das olheiras.
  • Gazes embebidas em leite – O leite também tem propriedades interessantes para quem tem olheiras. Ele possui ácido lático, substância que hidrata, renova e clareia a pele.
  • Massagens na região – A massagem feita em casa pode ajudar a diminuir o edema da região. Inicie com o dedo anelar, deslizando com suavidade e leve pressão, indo do canto interno da pálpebra superior para o externo.

 

Natália Figueira

  • Cirurgiã Dentista
  • Especialista em Harmonização Orofacial/Instituto Aria
  • Curso Internacional em Harvard
  • Certified  Harvard Medical School Boston
Cidade
Data
Adultos
Crianças
Bebês

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!