09.04.2018

“POR TODO MEU CANTO” NO ECAI

flyer ecai original POR TODO MEU CANTO NO ECAI

Os irmãos Gabriel Dias e Luana Dias apresentam nos palcos da Galeria Mundo Vivo, na quinta-feira 12 de abril, às 20:30 e no Espaço Cultural Alexandre Inneco (ECAI) no domingo 15 de abril às 18:00 o show autoral Por todo meu canto.

Acompanhados pelo multi-instrumentista e compositor Will Mourão, pelo luthier e percussionista Ruiter Castro e com a participação especial do flautista Fellipe Borges Dias, nessas edições do show os irmãos interpretam canções do primeiro EP da dupla, lançado em dezembro de 2016, novas autorais e releituras de pérolas como ‘Feira de Mangaio’

Por todo meu canto na Galeria Mundo Vivo – Luana Dias & Gabriel Dias

DATA: 12I04I2018

HORÁRIO: 20:30

LOCAL: GALERIA MUNDO VIVO – CLN 413 BLOCO D

COUVER ARTÍSTICO: R$15,00

Por todo meu canto no ECAI – Luana Dias & Gabriel Dias

DATA: 15I04I2018

HORÁRIO: 18h

LOCAL: ECAI – CLN 116 bloco A I Brasília

INGRESSOS: R$30,00

Ingressos SYMPLA :

https://www.sympla.com.br/por-todo-meu-canto-no-ecai__263275

Sobre Luana e Gabriel Dias

Os irmãos Luana Dias e Gabriel Dias, artistas independentes das cenas do Rio de Janeiro e de Brasília, com primeiro EP: Por todo meu canto lançado em novembro de 2016, iniciaram sua formação musical em família. Participaram ainda na infância de shows do seu pai, o músico e luthier Kleber Dias e de seu primo o músico e educador musical Henrique Bonna.

Iniciaram suas trajetórias profissionais na adolescência, atuando em shows, eventos culturais e espaços gastronômicos com trabalhos musicais de gêneros e estilos diversos, tanto da música brasileira como internacional.

Algumas de suas influências na música brasileira são nomes como Novos Baianos, Clube da Esquina, Mutantes, Elis Regina, Cartola, Paulinho da Viola, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Alceu Valença, Geraldo Azevedo, Luiz Gonzaga, Almir Sater, Renato Teixeira entre outros… Na música internacional são marcantes nomes como Beatles, Bob Marley, Nina Simone, Robert Johnson, Koko Taylor, Carlos Santana, Paco de Lucia, Jorge Drexler…

Sobre o projeto Por todo meu canto

O projeto Por todo meu canto teve início em 2013. Embora os irmãos compusessem desde a adolescência, é nesse ano que decidem reunir suas canções e em parceria criar seu primeiro trabalho autoral. Definiram as músicas, criaram novos arranjos e começaram a mostrá-las em shows e saraus.

Desse processo, resultaram uma série de clipes chamada: Projeto por todo meu canto ao vivo, gravados no Rio de Janeiro e disponibilizados em suas redes sociais e o EP: Por todo meu canto, gravado em Brasília, ambos produzidos pelos irmãos por meio de ações independentes.

O EP foi lançado em 2016 – em plataformas gratuitas na internet – e teve lançamento em versão física em maio de 2017, em Brasília, e em outubro do mesmo ano na etnohaus, no Rio de Janeiro.

As canções que compõem o projeto já foram apresentadas em participações e shows em palcos de espaços de destaque nas cidades do Rio – Sala Baden Powell, Centro da Música Carioca Artur da Távola, Bar Semente, Beco das Garrafas, Espaço Cultural Escola Sesc/RJ, etnohaus – e de Brasília, como o Curso Internacional de Verão (CIVEBRA), Shopping Liberty Mall, Sarau da Tribo das Artes, Galeria Mundo Vivo e o Espaço Cultural Alexandre Innecco.

Gabriel Dias, carioca erradicado em Brasília, hoje tem mais de 15 anos de atuação musical profissional, em Brasília está concluindo o curso de Licenciatura em Música na UnB e cursou por 02 anos o Técnico em Violão Popular no CEP-Escola de Música de Brasília onde estudou com o violonista e produtor Lucas de Campos. Produz a inciativa autoral ao lado da irmã e atua como performance de violão e voz em espaços gastronômicos e culturais em Brasília com o projeto: Músicas do Brasil além de atuar como educador musical.

Luana Dias com quase 20 anos de atuação musical profissional é a idealizadora do projeto Por todo meu canto que leva o nome de uma das canções que tem letra sua e composição em parceria com o irmão.

Atua como performance em projetos musicais como cantora e em formato voz e violão em espaços gastronômicos e culturais na cidade do Rio de Janeiro, com destaque para os projetos: Na corda bamba (Uma homenagem a Elis Regina) e Mulheres do Rock, integra o coletivo LUA – Livre União de Autoras. No mês de setembro, Luana fez parte da programação da edição carioca do Sonora – Festival Internacional de Compositoras 2017, realizado em mais de 15 países.

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!