EnglishJapanesePortugueseSpanish
23.06.2020

Sinfônica grava “Concerto de Aranjuez”, clássico universal, em mensagem de paz na pandemia

IMG 5813 1w Sinfônica grava “Concerto de Aranjuez”, clássico universal, em mensagem de paz na pandemia

VT que vai ser veiculado nas redes da Secec e de parceiros do governo espanhol traz violão virtuoso de Fábio Zanon

Os primeiros arpejos de violão que abrem o segundo movimento do “Concerto de Aranjuez” (1939, Joaquín Rodrigo) tocam o ouvinte com um misto de paz e melancolia. “Qualquer momento de dificuldade e incerteza encontra eco em determinadas músicas que nos permitem elaborar sentimentos de dor. O concerto de Rodrigo é um desses casos”, diz o violonista Fábio Zanon sobre fazer o solo em uma das obras mais populares do repertório clássico universal, no momento em que o mundo atravessa a pandemia do coronavírus.

Nascido em Jundiaí (SP), com mais de 40 concertos e formação no Brasil e em Londres, Zanon se junta a 43 músicos da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (OSTNCS) e, sob a regência do maestro Cláudio Cohen, produzem um vídeo com a joia da música erudita espanhola para ser veiculado nas redes sociais da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec), do Instituto Cervantes e da embaixada da Espanha.

“Rodrigo foi muito feliz na concepção dessa peça num momento especialmente triste para ele pessoalmente”, conta Zanon. O instrumentista se refere ao fato de que Aranjuez – que dá nome ao concerto para violão mais popular do século 20 –, é a cidade a cinquenta quilômetros de Madri onde o compositor passara felizes momentos em lua de mel. Paradoxalmente, no momento da criação da peça, havia acabado de perder um filho no parto da esposa. O contexto era o de ascensão do fascismo,  o que fica legendado no VT pela alusão à tela “Guernica” (1937), de Picasso, um protesto da arte contra o bombardeio da cidade de mesmo nome naquele ano pelos nazistas na Guerra Civil Espanhola.

%name Sinfônica grava “Concerto de Aranjuez”, clássico universal, em mensagem de paz na pandemia

Cego desde a infância, Joaquín Rodrigo foi responsável por dar ao violão o status de um instrumento sinfônico, ensina Zanon. “Até os anos 20, pairava um ponto de interrogação sobre o violão, que não era considerado muito apropriado para as salas de concerto, seja pelo pouco volume, pela falta de repertório ou por que tinha reputação duvidosa dada sua popularidade”, conta o solista, que já se apresentou nos principais teatros em mais de 50 países e é, segundo o regente da OSTNCS, “nosso principal violonista da atualidade”.

Zanon também fala da dificuldade que a obra representa para solistas do instrumento: “exige do violonista a bravura que se espera da música espanhola, mas também uma certa elegância e estabilidade na interpretação. É uma obra muito encrencada, com escalas rápidas e alternância entre técnicas que desestabilizam umas as outras”.

O violonista, que já se apresentou com Yamandu Costa e cantores de todos os estilos – Claudia Riccitelli, Carole Farley, Rosana Lamosa, Rodrigo del Pozo, Toquinho, Ney Matogrosso e Maria Mulata –, anota que o concerto escrito por Joaquín Rodrigo também é complexo por, a um só tempo, beber nas fontes da música folclórica espanhola, dentro da qual pontifica o flamenco, e render tributo ao estilo neoclássico do século 18.

O “Concerto de Aranjuez” é uma das obras mais representativas da cultura musical espanhola, e o segundo movimento é admirado por ouvintes de todo o mundo. A interpretação de Zanon agrega ainda mais força a escolha desta belíssima obra”, diz Cohen. Além do mais, acrescenta o maestro, “a música traz uma mensagem poética de paz e reflexão adequadas para esse momento de isolamento social”.

O trompista da Sinfônica, Ellyas Lucas Souza e Veiga, trabalhou três horas por dia na edição do VT, que contará com parcerias do Instituto Cervantes (mais de 25 mil seguidores, somados os perfis nas redes sociais do Facebook, Instagram e Twitter) e da embaixada da Espanha (quase 50 mil de seguidores no FB e Insta juntos) para divulgar a gravação pelo mundo.

 

 

Cidade
Data
Adultos
Crianças
Bebês

Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!