EnglishJapanesePortugueseSpanish
21.07.2019

VALÉRIA FAJARDO 

ValériaFajardo3 Foto PatríciaTeixeira VALÉRIA FAJARDO Lançamento do CD VITRINES

Valéria Fajardo, cantora, compositora e arranjadora, realizará com o Quinteto A3, no Clube do Choro de Brasília, no dia 24 de julho, quarta-feira, o lançamento do seu mais novo trabalho, o CD Vitrines que contém 10 músicas autorais. O evento faz parte do Projeto Prata da Casa, desenvolvido pelo Clube.

Em Vitrines, Valéria Fajardo apresenta um trabalho que respira MPB e Bossa Nova, com uma forte base jazzística. Segundo ela, a música que faz é MPB em suas variadas expressões, e que por vezes, “muitas”, ela compõe sambas, sons mais regionais, em outras compõe bossas, “algumas vezes acontecem bossas-blues, bossas-jazz, dependendo da cor do dia, do momento em que eu esteja vivendo”, disse Valéria.

O CD vem agradando muito e recebendo ótimos comentários de alguns especialistas que tiveram contato com ele. O renomado maestro cubano Joaquin Betancourt, que conheceu Valéria em um dos cursos que ela participou de arranjos e regências, declarou ter percebido que ela estava mais inclinada ao Jazz, “porém sem deixar de ser brasileira”. Outro maestro que gostou das canções de Vitrines foi Joel Barbosa. Para ele o disco Vitrines “não é um trabalho do mais do mesmo, mas um trabalho que é muito mais do que o mesmo”, declarou o maestro e professor da Escola de Música de Brasília.

Vitrines é um projeto musical de quem cuida da criação como quem tece o fio no tear. Atento, sem deixar a linha embolar, nem arrebentar. O trabalho de quem sua, puxa o fio e aprecia o resultado com orgulho. Um trabalho que apresenta para o seu público a alma da compositora. Ele mostra o cotidiano apaixonado de Valéria, o fogo que ela traz no coração, mas também a suavidade de quem ama a vida e o estar com seus amigos. Entre eles, o seu violão.

Depois de três anos do CD Lugar e Hora, Valéria Fajardo, que nunca parou de compor, reuniu seus “amigos do peito” gente com quem gosta de passar as tardes tocando, ou falan¬do de música, e decidiu voltar aos estúdios para gravar suas composições inéditas e algumas já de conhecimento do público nas suas idas e vindas nos palcos de Brasília e Minas Gerais. Agora que o trabalho ficou pronto estava na hora da apresentação, a boa hora do contato com a plateia, e “num grande templo da cultura brasiliense”, declarou a compositora.

Com ela estarão no palco do Clube do Choro os músicos Marcus Fonseca, piano; Leandro Barcelos, flauta, sax alto e tenor; Doni Alcântara, contrabaixo elétrico e acústico e Almir Cássio na bateria. Além deles, Valéria contará com participações especiais de músicos/amigos que estiveram com ela na sua construção musical.

O resultado disso?

No Clube do Choro de Brasília, a plateia conhecerá as canções que fazem de Vitrines um CD primoroso, elegante, que transpira emoção. E terão a oportunidade de ouvir, em primeira mão as canções Ascendente Escorpião, Recriar, Embaixo do Sol, Recomeçar, Além do Mar, Isabel, Sons, Tranca e Nó, Onipotência, e Vitrines, que dá nome ao disco e ao show. Vitrines que segundo Valéria Fajardo foi feita num momento em que percebeu que tudo o que seu olhar captava era como se estivesse vendo uma vitrine de loja. “A arte, os sonhos, os amigos, tudo o que seduz e abraça, tudo que era poesia era uma vitrine na sua alma nua”.

Depois da apresentação no Clube do Choro, Vitrines vai ganhar o público do exterior, e já está de malas prontas para embarcar rumo a Portugal, Irlanda, França e Inglaterra no segun¬do semestre deste ano. Segundo Valéria, ela vai aproveitar um período de im¬ersão de três meses que fará na Europa para mostrar o seu mais novo trabalho. “Estamos mapeando todos os lugares, vamos ver onde eu e meu violão iremos chegar!”. Depois retorno à Brasília e a outros palcos do Brasil.

Vitrines é o seu terceiro trabalho já registrado – Pé na Estrada (1983) e Lugar e Hora (2016) são os outros dois.

Sobre a Valéria Fajardo

Nascida em Petrópolis e criada em Brasília, demonstrou, desde pequena, o interesse pelas artes, em especial a música, principalmente a composição. Suas primeiras canções com letra sobre melodia acontecem por volta dos seus onze anos. E, de lá para cá, a composição tem sido sua forma de devolver ao mundo tudo aquilo que nele observa.

Em 2012, retoma seus estudos de música, seguindo como aluna de cantos das cantoras e professoras Suely Mesquita (RJ) e Dani Baggio (DF), e de arranjo, do maestro Joel Barbosa (DF).

Dona de um talento refinado e diversificado, hora romântica, hora divertida, hora questionadora, Valéria Fajardo oferece ao seu público um trabalho de qualidade que se confirma nas linhas melódicas, harmônicas e nos arranjos das suas canções.

Reconhecida por sua criatividade e talento, a artista vem conquistando seu espaço no universo da MPB e se destacando no cenário artístico brasiliense.

A apresentação acontece dia 24 de julho de 2019 – quarta-feira a partir das 21:00 horas. Ingressos: R$ 20,00 (meia) e R$ 40,00 (inteira)

Informações: Tel.: 3224.0599. Ingressos: Clube do Choro de Brasília – SDC BLOCO “G” – Funcionamento da bilheteria: 2ª a 6ª feira: 10:00 às 22:00 horas. Sábado a partir de 19:00 as 21:30 horas, ou através do site: www.clubedochoro.com.br

O Clube do Choro de Brasília fica entre a Torre de TV, o Centro de Convenções e o Planetário.

Produção: Marco Guedes (0xx-61-3225-1199 / 0xx-61-97400-6350).

Contato artista: Oxx-61-99134-9415

Não recomendado para menores de 14 anos


Fechar

Enviar email

Que tal ter acesso rápido e fácil ao seu roteiro de onde estiver?
Envie por e-mail, compartilhe com amigos, e divirta-se em BSB!!!

Fechar

Criar novo roteiro

Fechar

Editar Roteiro

Fechar

Esqueci minha senha

Fechar

Aviso

Solicitação enviada com sucesso!